23mar

Ícones do design Escandinavo

Ícones do design Escandinavo

A Dinamarca tem o design no seu DNA cultural. Já é reconhecida internacionalmente pelo legado
nesse setor, principalmente no século XX pela preocupação em desenvolver produtos, buscando
soluções além da estética.

Arne Jacobsen

Um dos designers de móveis mais renomados no país revolucionou incorporando ideias modernistas nos seus trabalhos. O também arquiteto utilizou formas curvas e orgânicas nas suas peças mais conhecidas, os modelos de poltronas The Swan e The Egg.

The Egg marcou um contraste entre a sua forma e as linhas retas do Royal Hotel, em Copenhague.

Børge Mogensen

Mogensen foi o responsável pela formação do conceito “design dinamarquês”, com simplicidade e funcionalidade. Foram nas décadas de 50 e 60 que os projetos do designer de móveis ganharam o mundo. A “hunting chair” é o seu maior patrimônio, foi esboçada em uma caixa de fósforos.

Finn Juhl

Quebrou o padrão da época, impactando em seus projetos. O arquiteto e designer industrial presenteou a América, trazendo as inspirações do design dinamarquês. Iniciou os seus projetos criando a mobília do próprio escritório, até produzir as clássicas cadeiras Diplomat e Chieftain.

Hans J. Wegner

O homem que amava cadeiras. O designer criou diversos modelos funcionais como a cadeira Y, ou
Wishbone, na Illums Bolighus em Copenhagen. Wegner sintetizou o ideal da mudança em algo
simples, confortável e ousado, focando na escala industrial.

Verner Panton

A visão singular e original do designer de móveis e de interiores ganhou forma com a criação da cadeira em “S”, sendo feita com uma base sem pés, além de nenhuma divisão entre o assento e a estrutura. Ficou conhecido como o enfant terrible (criança terrível) por desafiar a gravidade em um mundo de cores.

Uma só peça moldada em plástico representou o auge do design modernista.

Olá, tudo bem? Gostaria de informações sobre a Finger.